Ambiente mais acessível

Pela primeira vez em Portugal foi lançado um projecto de recolha selectiva de resíduos sólidos urbanos para pessoas com deficiência.

A Câmara da Maia em parceria com a LIPOR e a Maia Ambiente lançaram o novo serviço de recolha selectiva de lixos dirigido a pessoas com deficiência ou incapacidades várias (motora, visual, auditiva e mental) e que funcionará em regime de marcação de acordo com a necessidade e disponibilidade do utente.
Um projecto pioneiro em Portugal tendo a Maia como primeiro concelho a receber este novo serviço prestado pela CM Maia através da Maia Ambiente e tendo a LIPOR como entidade impulsionadora. O propósito do Projecto R+ visa promover duas valências essenciais, a reciclagem e a reabilitação.

Segundo a CM Maia «o objectivo do projecto consiste em projectar, produzir e testar um equipamento revolucionário do ponto de vista de aproximação às pessoas em que se conjugue equipamento e acessibilidades».

Este projecto inclui factores tão importantes como a inclusão e a proximidade às pessoas, as melhores condições para a participação no projecto da reciclagem multi-material, a melhoraria da qualidade de vida das pessoas com deficiência ou incapacidade. Maia Hoje

Comentários