O Estado desconhece quantas pessoas com deficiência trabalham na administração pública

O Estado desconhece quantas pessoas com deficiência trabalham na administração pública e muitas vezes não divulga a quota de emprego obrigatória nos concursos. O Governo contrapõe que se há situações irregulares cabe também aos parceiros sociais denunciá-las.

O presidente do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (STE), Bettencourt Picanço, defendeu, em declarações à agência Lusa, que o Estado "não tem nenhuma ideia" de quantas pessoas com deficiência trabalham para si porque "falta informação sistematizada quanto aos recursos humanos".

A secretária de Estado Adjunta e da Reabilitação, por seu lado, não conseguiu dar um número exato, mas lembrou um estudo do Instituto Nacional de Administração de 2008 que apontava para cerca de três mil pessoas. "Sabemos que [atualmente] este número será bastante inferior aos cinco por cento que decorrem da legislação", admitiu Idália Salvador Serrão. SAPO Noticias

Comentários

  1. Meu amigo, é sempre tudo por debaixo dos panos.
    Ninguém revela os direitos e nem cumprem deveres...
    E em todos os lugares é assim, cá no Brasil também.
    O pior - acham que fazem grandes favores.
    Abraços

    ResponderEliminar
  2. é ruim hém? aqui em Lagoa Santa Brasil- MG sou totalmente invisível, so sou vista quando querem me espinafrar, hoje mesmo disse a uma amiga que estou cansada e com ~preguiça de lutar por meus deveres.

    ResponderEliminar
  3. Eu sinceramente desta falta de dados do nosso Estado, não esperava.
    Como é possível? Como cumprir cotas? Somos realmente invisiveis com escreve Helena.
    Helena. sabe que ás vezes também sou invadido por essas dúvidas, desânimos...
    Fiquem bem

    ResponderEliminar

Enviar um comentário