Associação de apoio ao deficiente mental em risco de fechar no Porto


A Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) poderá vir a fechar no Porto, devido a problemas financeiros.

Por agora, apenas um dos departamentos vai encerrar mas Josefina Bazenga, presidente da APPACDM, admite alguns “despedimentos e numa situação extrema, a instituição poderá mesmo vir a fechar”.

O financiamento da Associação depende, em larga escala, dos apoios do Estado e das contribuições das famílias. No entanto, nos últimos dois anos, as comparticipações do Estado não foram revistas e Josefina Bazenga reconhece que “neste momento não é possível manter os serviços a funcionar como tem sido feito até agora, porque a inflação e a gasolina têm aumentado”.

A APPACDM do Porto apoia 362 pessoas com deficiência mental e dá emprego a 150 profissionais.

Fonte: RR

Comentários