Deficientes portugueses conquistam 30 medalhas

Portugal terminou, este domingo, a participação no campeonato de Europa de atletismo em pista coberta para atletas com deficiência mental com um total de 30 medalhas e títulos colectivos em masculinos e femininos.

Os atletas portugueses, alguns dos quais integrados no projecto paralímpico Londres2012, deixam a Finlândia com seis medalhas de ouro, 12 de prata, e outras tantas de bronze.

Lenine Cunha, com três medalhas de ouro e quatro de bronze, foi considerado o melhor atleta do evento.

O seleccionador José Costa Pereira considerou que a "prestação portuguesa fantástica, e quase sem falhas", com "os atletas a conseguirem o objectivo principal de estarem presentes em todas as finais".

Costa Pereira referiu ainda que "esta foi, de longe, a melhor prestação em Europeus".

Fonte: CM

Comentários

  1. Excelente, afinal temos valores, só que não deveras reconhecidos, parecemos ou somos do terceiro mundo.

    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  2. Basta uma medalha de bronze, conquistada por um atleta sem deficiência, para imprensa divulgar em peso. Como são atletas com deficiência...
    Fica bem

    ResponderEliminar
  3. De boa vontade, está o mundo cheio... ACTOS nem vê-los, pelo menos tanto quanto desejaríamos.
    Parabéns a todos por concretizar o que para muitos de nós "ditos eficientes", não passa de ambição:) É sempre um orgulho muito grande saber que Portugal está muito bem representado e por pessoas cheias de vontade de VIVER!

    ResponderEliminar
  4. Vontade de VIVER, VENCER E FAZER PARTE DA SOCIEDADE EM PLENO.
    Só precisamos de ferramentas iguais. Mas essas nunca mais aparecem, Raquel.
    Fique bem

    ResponderEliminar

Enviar um comentário