Ação de formação para pessoas com deficiência em Faro

Terá lugar entre 31 de maio e 4 de junho, em Faro (das 10h às 18h, na Escola Superior de Educação e Comunicação, Campus da Penha), uma ação de formação integrada no projeto DRPI-Portugal.

Este projeto é a versão nacional de uma iniciativa internacional, que tem como objectivo promover em todo o mundo sistemas sustentáveis de monitorização da Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência. A iniciativa resulta de um protocolo de colaboração entre a Fundação Calouste Gulbenkian, o Instituto Nacional para a Reabilitação e o Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade Técnica de Lisboa.


Uma das atividades deste projeto consiste na realização de ações de formação (como a que terá lugar em Faro), que procuram capacitar pessoas com deficiência e as suas organizações para a participação em processos de monitorização. Cada ação tem um total de 35h e é de frequência gratuita. Os conteúdos a abordar são os seguintes:
» A deficiência na perspectiva dos direitos humanos;
» Instrumentos internacionais de direitos humanos;
» A metodologia DRPI de monitorização dos direitos humanos;
» Monitorização de experiências individuais - técnicas de entrevista.

Esta ação é divulgada pela Câmara Municipal de Silves no âmbito do Serviço de Informação e Mediação para Pessoas com Deficiência (SIM-PD), que resulta de um protocolo celebrado com o Instituto Nacional para a Reabilitação e tem como objectivo o atendimento especializado e personalizado de pessoas com necessidades especiais ou suas famílias, disponibilizando informações sobre direitos, benefícios e recursos existentes na área da deficiência e reabilitação. Este serviço funciona no Sector de Ação Social, devendo os interessados em obter mais informação usar o telefone 282 440 800 (ext. 370), ou o email sim-pd@cm-silves.pt.

Fonte: CM Silves

Comentários