CNOD-Confederação Nacional dos Organismos de Deficientes e a Marcha pela Igualdade


Iniciamos o projecto Marcha Pela Igualdade em Novembro de 2010. Convidamos todas as grandes e pequenas associações, entidades e organismos ligados á deficiência (pelo menos as que tivemos conhecimento), com a intenção de em conjunto organizarmos algo que fosse de todos e todos nos envolvêssemos.

Maioria das grandes associações, até para obter resposta foi necessário vários telefonemas e e-mails. APD - Associação Portuguesa de Deficientes, ACAPO - Associação dos Cegos e Ambliopes de Portugal (maioria delegações), ADFA - Associação de Deficientes das Forças Armadas (maioria das delegações), APSURDOS - Associação Portuguesa de Surdos, ANDST - Associação Nacional dos Deficientes Sinistrados no Trabalho, FENACERCI - Federação Nacional de de Cooperativas de Solidariedade Social, APPACDM - Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão com Deficiência Mental (maioria delegações), HUMANITAS - Federação Portuguesa para a Deficiência Mental, etc, etc e etc...De todas estas mencionadas, a única que nos deu resposta definitiva foi a CNOD - Confederação Nacional dos Organismos de Deficientes. É essa resposta que vos deixo abaixo. Cada um tire suas ilações.

Destaco: Ninguém é obrigado a juntar-se á causa DEFICIÊNCIA. Mas tratando-se de grandes associações e a quem todos nós achamos que estão do nosso lado, ficava bem pelo menos uma simples resposta.

Brevemente publicarei outros convidados e principalmente os que desde a primeira hora abraçaram com muita alma este projecto, e sempre estiveram ao nosso lado.

Aqui fica resposta da CNOD. Inclusive publicada no seu Semanário:


de CNOD Sede info@cnod.org.pt
para Marcha pela Igualdade
data 5 de Maio de 2011 10:37
assunto Marcha pela Igualdade

ocultar detalhes 5 Mai

Prezados Amigos,

A CNOD, conforme teve oportunidade de vos lembrar no breve encontro que realizámos a este propósito, tem também como uma das resoluções do 10º Congresso, a realização de uma acção de rua, caso o governo não responda ao caderno reivindicativo aprovado (objectivo que se mantêm, mas a aguardar interlocutor, visto que o governo está demissionário).

Considerando a importância dos objectivos que vos levaram ao agendamento da Marcha da Igualdade e da sua mobilização, a CNOD considera que teria sido adequado, dado os objectivos desta Marcha que ela deveria ter tido como base um entendimento conjunto entre as organizações representativas e este grupo de cidadãos, tanto mais quanto são cidadãos com ligação a diversas expressões organizadas do movimento dos deficientes.

O que está em causa não é uma disputa entre "protagonistas", mas o reforço da unidade, e do respeito pelas diversas formas organizativas como condição necessária para dar mais força a uma luta comum.
Por outro lado, dado o contexto político que vivemos, governo demissionário e eleições legislativas marcadas para dia 5 de Junho e como a data da marcha é uma semana depois, seria em nossa opinião argumentos para que os promotores repensem a situação.

Contudo, poderão contar com a presença de uma delegação da direcção da CNOD.

Aguardando desenvolvimentos

Saudações

A Direcção Executiva da CNOD
O Presidente
José Reis
Telef: 218394970
Fax: 218394979
Email: info@cnod.org.pt


NOSSA RESPOSTA:


de Marcha Pela Igualdade marchapelaigualdade@gmail.com
para info@cnod.org.pt
data 19 de Maio de 2011 23:45assunto Colaboração/Participação na Marcha Pela igualdade enviado por gmail.com


Exmos. Senhores,


Em sequência da divulgação do Esclarecimento da CNOD sobre a iniciativa Marcha pela Igualdade, lamentamos que V. Exas. não tenham esclarecido os leitores que todos os contactos prévios e a reunião havida com a organização da Marcha Pela Igualdade tiveram lugar em data anterior ao presente estado político(governo demissionário).

1º A Marcha Pela Igualdade está já a ser organizada desde Dezembro'10, e uma vez que o sentido da sensibilização e de alerta para a questão da deficiência ser questão sempre presente, não fazia sentido colocar-mos todo o nosso trabalho em stand by, esperando na ambiguidade de dias mais adequados. Caros amigos, como sabem as dificuldades nas acessibilidades, o preconceito, e a discriminação são uma constante, são vividas todos os dias. Assim sendo, só podemos ser coerentes, não nos deixando "adormecer" face a contextos políticos. Quem quer que venha a ser eleito pelo povo português terá então desde o início do seu serviço ao país uma manifestação de cidadãos a quem não são dadas igualdades de oportunidades, nem liberdades consignadas na Lei para todos os cidadãos por igual.

2º A organização da Marcha Pela Igualdade, ao contrário do que V. Exas. afirmam, entrou em contacto com as inúmeras associações/instituições do país indagando do seu interesse para uma colaboração mútua, o que o fez de igual forma com V. Exas. antes sequer de avançar com as reivindicações.

3º Ao contrário do que V. Exas. afirmam também não estamos formalmente ligados a nenhum organismo, apenas e só, um elemento é simples sócio da ANDST.

4º A CNOD considera que teria sido adequado, dado os objectivos desta Marcha que ela deveria ter tido como base um entendimento conjunto entre as organizações representativas. Ora foi exactamente por isso, como já referido, que os convidamos a juntar-se a nós, quer pelos diversos emails enviados quer presencialmente no dia 16 de Fevereiro de 2011, na vossa sede em Lisboa. Ficamos perplexos depois de inúmeras semanas de silêncio da vossa parte, recusarem uma identificação com a Marcha pela Igualdade. Lamentamos.

5º Quanto à possibilidade abordada por V. Exas. de existir uma vontade de protagonismo da nossa organização, é com grande humildade que nos identificamos como cidadãos conscientes dos seus direitos e das suas obrigações no exercício de uma cidadania activa, se queremos mudança, cada indivíduo tem em si uma missão, não deixando obviamente de respeitar as diversas formas de organização formal na sociedade. Nem de forma alguma tomamos como verdade a máxima "quem não está connosco, está contra nós"

Cordialmente,

www.marchapelaigualdade.com
Siga-nos no facebook: http://pt-pt.facebook.com/people/Marcha-Pela-Igualdade/100001464178881

Organização:
* Eduardo Jorge - Administrador do tetraplegicos.blogspot.com/;
Tel. (913 240 014 / 241 822 079)
* Miguel Loureiro - Administrador do www.deficiente-forum.com;
Tel. (938 590 061 / 254 400 776)
* Sandra Freitas
Tel. (962232686)

Comentários

  1. As associações deviam dar o exemplo e ajudar e levar as pessoas á manifestação pois em Portugal não somos nem perto os que já se encontram inscritos e mais as próprias federações não deviam marcar competições para esse dia mas já estamos de parabéns nunca desistam e cmg podem contar sempre.

    ResponderEliminar
  2. Há excepções Vitor. Depois publicarei as que sempre nos apoiaram.
    Fica bem

    ResponderEliminar
  3. Edu,
    É decepcionante ler tudo isto de quem deveria estar na linha de frente, apoiando a Marcha!

    Beijo,
    Mônica

    ResponderEliminar
  4. Tens razão...Ainda por cima depois de termos tido uma reunião com eles e demorarem uma eternidade a responderem.
    Se desejavam algo mais abrangente, vinha de acordo ao que pretendiamos quando os convidamos. Então porque o não tentaram? Tempo tiveram.
    Mas eles lá saberão o porquê de agirem assim...
    Fica bem

    ResponderEliminar

Enviar um comentário