Segurança Social recusa pedido almofada antiescara a paraplégico escareado

Isto é uma escara. 
Este rapaz é paraplégico e está nesta situação porque a Segurança Social, mesmo conhecendo a gravidade em que se encontra se recusou a dar-lhe uma almofada antiescaras.
Além de não estarem a cumprir a lei conforme se prova através do Decreto-Lei n.º 93/2009, de 16 de abril, onde explicitamente informa que toda a pessoa com deficiência tem direito: "Da atribuição de forma gratuita e universal de produtos de apoio". 
Estão a cometer um crime. Conhecer esta situação e recusarem algo que iria beneficiar a sua saúde estão voluntariamente a contribuir para ainda piorar mais o estado que se encontra.

Comentários