Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e gestão de Produtos de Apoio


EU: Sinto-me muito triste por verificar esta postura por parte da SCM de Lisboa. Nada contra em pedirem "esmolas", mas sendo a entidade escolhida pelo Instituto de Segurança Social para gerir o SAPA - Sistema de Atribuição de Produtos de Apoio para a região da grande Lisboa fica-lhes muito mal andarem neste peditório...o que fazem às verbas que lhe são transferidas pelo Estado? Má gestão? Só pode ser essa a causa, pois ainda recentemente o Sr Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social veio afirmar nos meios de comunicação social que não existiam falta de verbas e nenhuma entidade estaria com esse problema. Sendo assim...

Eduardo Jorge

Vimos ao seu cuidado para lhe expor um assunto que é para nós muito importante.

A necessidade de produtos de apoio (ajudas técnicas) por parte dos nossos utentes (idosos e pessoas com deficiência( tem vindo a aumentar. A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) tem apoiado, através de empréstimo, os seus muitos utentes.

Se tiver alguns produtos de apoio (ajudas técnicas) tais como cadeiras de rodas, camas articuladas, andarilhos, canadianas, cadeiras de banho, almofadas, colchões, ou outros, que não necessite e já não esteja(m) em uso, e queira contribuir para apoiar outras pessoas que necessitem (idosos, pessoas com deficiência) por favor, faça o seu contributo, mesmo que o produto de apoio tenha algum dano.

Basta para isso contactar o Serviço de Gestão de Produtos de Apoio (SGPA) para o emailcarina.santo@scml.pt ou pelo telefone 21 347 70 93.

O SGPA levantará dos domicílios ou das entidades (instituições), na Cidade de Lisboa, os produtos de apoio doados à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

Se assim desejar, o SGPA integrará o seu nome (individual ou da instituição) na lista das Doações de Produtos de Apoio realizadas, ficando assim registado o seu contributo entre os nossos benfeitores(as)(beneméritos no nosso site.

Muito obrigado pelo seu contributo para as boas causas da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Qualquer produto de apoio será válido e útil (com condições de recuperação e segurança) para uma próxima pessoa que precise dele e será dada continuidade a esse bem que já fez algum bem a outra pessoa.

Por boas causas.
http://www.scml.pt/areas_de_intervencao/acao_social/pessoas_portadoras_de_deficiencia/servico_de_gestao_de_produtos_de_apoio___sgpa/

Com os meus melhores cumprimentos,
Cristina Vaz de Almeida

Enviado por email.

Comentários

Enviar um comentário