Banco de Produtos de Apoio em Vila Real

O Centro de Engenharia de Reabilitação da Universidade de Vila Real recebeu 13 toneladas de material para pessoas com deficiência e idosos doados pela Fundação sueca AGAPE, destinados à criação de um banco para empréstimo à comunidade.

Francisco Godinho, responsável pelo Centro de Engenharia de Reabilitação e Acessibilidade (CERTIC) da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), disse à agência Lusa que são 360 produtos de apoio e 230 acessórios ou peças de equipamentos.

A maior parte do material destina-se à mobilidade pessoal, como cadeiras de rodas, acessórios para cadeiras de rodas, elevadores de transferência elétricos, andarilhos, equipamentos para treino de marcha, canadianas, e ainda para a higiene pessoal, desde cadeiras sanitárias, assentos elevados de sanita.

Foi também doado mobiliário adaptado para a habitação, nomeadamente camas articuladas e colchões anti-escara. O material foi recolhido pela AGAPE em centros de tecnologias de apoio da costa oeste da Suécia, onde se encontra sediada a fundação.

Francisco Godinho disse que os produtos ajudarão à criação de um serviço de empréstimo de produtos de apoio à comunidade do distrito de Vila Real, o Banco Local de Produtos de Apoio.

«É uma ideia que nós já tínhamos há muito tempo para situações temporárias. Muitas vezes o tempo que uma pessoa precisa para pedir um financiamento desses por parte do Estado é demasiado longo porque a necessidade é imediata», salientou.

O banco deverá estar disponível a partir de março e vai ainda incluir outros produtos existentes no CERTIC nas áreas das Tecnologias de Informação e Comunicação (interfaces de acesso ao computador, computadores, sistemas alternativos de comunicação) e da recreação e lazer (brinquedos, equipamentos de lazer e jogos adaptados).

Muitos destes produtos de apoio do CERTIC foram concebidos e adaptados pelos alunos da UTAD.

Entretanto será criado um portal na Internet com a informação sobre os produtos disponíveis e condições de acesso.

Fonte: TVI24 e mais informação sobre a AGAPE

Comentários