Pais de jovem tetraplégica pedem indemnização à Audi de mais de um milhão de euros

Há seis anos Andreia tocava piano e frequentava o conservatório de Lisboa. Agora está tetraplégica depois de um choque frontal contra um camião. O carro que conduzia, um Audi A3, ficou irrecuperável mas, apesar do choque, nenhum dos airbags da viatura disparou. Os pais exigem à marca mais de um milhão de euros.

Comentários