Portal + Mobilidade - Vote e divulgue

Existindo pessoas que, de forma temporária ou permanente, vivem com a dificuldade de se deslocarem em curtas distâncias (ex. uma rua, uma avenida, um centro comercial, um jardim) devido a deformações ou limitações físicas considero que deveriam existir soluções alternativas ao transporte público ou ao táxi dado que estas curtas distâncias não deveriam justificar esta falta de autonomia, gasto de tempo e preço por deslocação. Também estes veículos não poderão conceder o acesso desejado dentro de superfícies comerciais, museus, etc.


Neste sentido e no âmbito da meta da Europa 2020 contra a pobreza e a exclusão social, propunha a criação de um “Portal + mobilidade” e/ou uma aplicação compatível com qualquer dispositivo móvel (virtual e com acesso físico nas juntas de freguesia) no qual o cidadão com limitações físicas se poderia inscrever e ver que meios, alternativos à sua deslocação, tem à sua disposição no município e pela rede de parceiros associados. Esses meios seriam cadeiras de rodas simples e elétricas ou scooters de mobilidade elétrica para pessoas com deficiência motora. No portal seriam aceites doações de outros cidadãos que quisessem contribuir com cadeiras que já não lhes fossem úteis de forma a promover o altruísmo e a inclusão social.

O foco de investimento na minha proposta está:
- Na criação do “Portal + Mobilidade”
- Em meios de locomoção alternativos para capacitar alguns municípios para este problema.
Por um país mais inclusivo e amigo de todos, por cidadãos mais capacitados e felizes.

Vote aqui:

Sugerido por António Valador

Comentários