Alentejo: IPDJ disponibiliza equipamento desportivo a pessoas com deficiência

O IPDJ (Instituto Português do Desporto e da Juventude) vai disponibilizar equipamento desportivo a cidadãos com deficiência, no âmbito de um projeto do Orçamento Participativo Jovem (OPJ), denominado Banco de Ajudas Técnico-desportivas, apresentado por Maria Prudêncio.


Orçamentado em mais de 33 mil euros, este consiste na cedência gratuita e temporária de equipamentos adaptados para a prática desportiva para pessoas com deficiência, explica Miguel Rasquinho, presidente do IPDJ Alentejo, em declarações à Campanário.

Não se tendo verificado vencedores do Alentejo, foi requerido que este projeto vencedor de âmbito nacional fosse aplicado à região. Neste sentido, a Cerci de Portalegre surge como um parceiro que procederá a “ações de divulgação deste programa junto dos seus parceiros”. Financiadas pelo IPDJ, estas foram delegadas à instituição portalegrense por considerarem que tem o conhecimento no que concerne a pessoas com deficiência assim como das entidades envolvidas na área da motricidade e do desporto adaptado.

“Os equipamentos estarão no IPDJ (Alentejo) à disposição” de quem os quiser solicitar, junto dos serviços presentes nas três capitais de distrito da região, Évora, Portalegre e Beja. Assim, será preenchido um formulário, que será submetido a uma avaliação “para cedermos temporariamente esses equipamentos”.

Embora temporária, o projeto possibilitará às pessoas com deficiência experimentar a prática de alguns deportos e dos equipamentos subjacentes. O Banco de Ajudas Técnico-desportivas foi um dos vencedores da primeira edição do Orçamento Participativo Jovem, programa lançado em 2017 pelo IPDJ e pela Secretaria de Estado do Desporto e da Juventude.

Considerando a importância da prática desportiva para os cidadãos com deficiência, na sua habilitação e reabilitação, o projeto visa conceder um acesso igualitário à prática desportiva. Esta promove a sua integração social e valorização pessoal, contribuindo para uma melhoria não só da condição física, como de fatores como a autoestima e a capacidade de superação.

O projeto apresenta equipamentos como Cadeira de Rodas para vários desportos, Calhas de Boccia, Barco a Remos e Handbike.

Fonte: Rádio Campanário

Comentários