Projeto "Lisboa Acessível" vence Orçamento Participativo

O projeto “Lisboa Acessível” foi um dos vencedores da 5ª edição do Orçamento Participativo da Câmara Municipal de Lisboa, na categoria de projetos entre 150.000€ e 500.000€, tendo obtido um total de 2.079 votos.

Este projeto, submetido pela Associação Salvador, em conjunto com a ACAPO, ACA-M, ADFA, ANACED, APEDV, FPDD, Fundação LIGA e Gulliver, visa tornar o percurso desde Entrecampos até ao Marquês de Pombal livre de barreiras físicas. O objetivo é criar uma zona modelo daquilo que deverá ser a cidade do futuro. Uma cidade inclusiva, mais atrativa, organizada, agradável para passear e andar a pé, que proporcionará uma maior qualidade de vida a TODOS os cidadãos.

O resultado obtido apenas foi possível devido ao envolvimento de muitas pessoas.

Agradecemos às associações parceiras no projeto, à MSTF Partners que elaborou a campanha de comunicação, à Mandala que efetuou uma reportagem em vídeo do percurso, às empresas nossas mecenas e parceiras que divulgaram o projeto pelos seus colaboradores, às entidades que nos cederam espaços para ações de divulgação presencial (Atrium Saldanha, BES Arte e Finança, Centro de Medicina de Reabilitação de Alcoitão e Colégio de S. Tomás), aos voluntários que nos ajudaram nessas ações, em especial à Diana Teixeira e Madalena Brandão pelo seu apoio incansável, à Go Natural que nos apoiou com as refeições, e no geral a todas as pessoas que votaram e passaram a mensagem na esperança de que o projeto se tornasse uma realidade.

Fonte: Associação Salvador

Comentários