Cuidado com lesões medulares devido a mergulhos: Saiba como mergulhar em segurança

O verão arrancou esta sexta-feira. Enquanto se espera pelo bom tempo, saiba que mergulhar, quer em piscinas quer em praias, envolve sempre alguns riscos.

Se não existir cuidado, pode ocorrer um acidente, que pode causar lesões permanentes ou até mesmo a morte. Anualmente, são vários os casos de pessoas que acabam paraplégicas devido à falta de informação sobre como deve efetuar a entrada na água em segurança.

Os especialistas aconselham sempre a não mergulhar mas, caso pretenda fazê-lo, o CM deixa-lhe uma série de dicas que podem ajudar a preservar o seu bem-estar.


CUIDADOS A TER AO MERGULHAR EM LAGOS, RIOS E PRAIAS

- Evite mergulhar quando não é possível visualizar perfeitamente o fundo ou quando não se sabe a profundidade do local;

- Tenha certeza que a profundidade é adequada para mergulhar;

- É melhor dar uma 'barrigada' na água, do que uma 'cabeçada' no fundo. Mergulhe numa posição quase paralela à água, evite situações em que corpo entra quase perpendicular na água;

- Evite mergulhar quando o local parece ser raso;

- Não mergulhe de lugares muito altos, pois isso fará o seu corpo entrar com mais velocidade na água;

- Um pequeno impacto na cabeça é suficiente para lesionar a coluna;

- Mesmo que haja um local onde se sabe que é profundo evite mergulhar, pois é possível que alguns centímetros ao lado possa estar uma pedra, tronco ou banco de areia;

- Não se deixe levar pelas brincadeiras e provocações dos amigos que o tentam convencer a pular.

CUIDADOS A TER AO MERGULHAR EM PISCINAS

- Evite mergulhar com muita velocidade ou de lugares muito altos, quanto mais rápido chegar ao fundo da piscina mais perigoso será;

- Evite mergulhar com o corpo num ângulo quase perpendicular à água;

- Identifique a profundidade da piscina. O ideal é que a piscina tenha pelo menos o dobro da sua altura para que possa mergulhar com segurança;

- Evite brincadeiras de empurrar pessoas para dentro da piscina, é fácil escorregar e bater a base da coluna (lombar) ou nuca e a cabeça;

- Evite pular na piscina com cambalhotas ou de costas;

- Dentro da piscina não suba nos ombros de outras pessoas, não faça brincadeiras onde pode cair próximo da borda, podendo assim bater com a cabeça ou a coluna;

- Evite pular da escada da piscina, o perigo aumenta mais quando a escada é feita de material escorregadio.

Clique para voltar ao texto principal: "Chegou o verão: cuidado com os mergulhos"

Fonte: CM

Comentários