Rio Maior: Lançada primeira pedra do lar residencial e centro ocupacional de “O Ninho”

Foi sob sol escaldante que dezenas de pessoas se associaram na tarde de sexta-feira, 8 de Abril, à colocação da primeira pedra do novo lar residencial e centro de actividades ocupacionais do Centro de Educação Especial “O Ninho” de Rio Maior.

O terreno fica na zona sul da cidade, entre as urbanizações Vila 8 e Varandas do Rio, a cerca de 500 metros das actuais instalações da instituição que apoio pessoas com deficiência mental.

Alberto Barreiros, presidente do CES O Minho, Isaura Morais, presidente da Câmara de Rio Maior, e Maria Amália Morgado, directora adjunta da Segurança Social de Santarém presidiram à cerimónia em que simbolicamente, foi colocado num buraco um pergaminho colocado numa cápsula, a cargo de utentes do centro. Foi a atleta de desporto especial Maria Inácio a assentar a primeira pedra da obra, depois de Alberto Barreiros, Isaura Morais e Morgado terem colocado o cimento, perante o aplauso de trabalhadores de O Ninho, técnicos municipais, autarcas e representantes de outras entidades. A bênção da primeira pedra foi garantida pelo padre António Diogo.

No terreno com cerca de cinco mil metros quadrados de área, vai nascer o lar residencial e centro de actividades ocupacionais. O lar terá capacidade para 24 utentes e o centro com 30 utentes. A empreitada tem um custo estimado de 1,3 milhões de euros, comparticipado a 75 por cento por fundos comunitários do Programa Operacional de Potencial Humano (POPH).

Fonte: O Mirante

Comentários